Cruzeiro quer surpreender, mas sente o peso da elite

Recém-promovido à Série A da Liga Brasileira, o Cruzeiro tem sentido dificuldades para se adaptar ao ritmo das melhores equipes de Free Fire do país.

Clube mais vitorioso do futebol mineiro, o Cruzeiro é mais uma das equipes do esporte mais popular do mundo a encarar o desafio de ingressar nos eSports e, consequentemente, no Free Fire. Com uma vaga na Série A da Liga Brasileira de Free Fire caindo no colo dos Celestes, o time precisará de muita fibra para encarar os desafios que estão por vir.

É verdade que hoje, a fase do Cruzeiro não é das melhores; a equipe é a lanterna da C.O.P.A Free Fire e vem sentindo na pele a dificuldade de encarar os melhores times do circuito nacional. Mas, vontade e disposição não faltam para a Raposa, que tem todo o seu elenco treinando de sua casa devido ao isolamento social.

Leia também:

“Estamos treinando muito e recomeçamos tudo agora que temos um novo capitão. Na hora que ele se acostumar com nosso estilo de jogo, vamos decolar”, explica Horus, um dos destaques do Cruzeiro. “Agora que estamos na Série A, nosso coach, o Eagle, deve modificar as nossas rotações e nos passar novas instruções”, conclui.

Akashi, outro dos destaques do time, é mais ousado que seu companheiro e diz que o estilo de jogo da equipe é um dos mais inovadores no cenário nacional: “Já estamos trabalhando em um novo estilo de jogo mais agressivo e tático, diferente do que mostramos na Série C”.

Por uma obra do acaso, o Cruzeiro acabou indo parar direto na Série A e isso tem se refletido no desempenho da equipe na C.O.P.A, como já citamos anteriormente. Todavia, é notável ver que a equipe, de fato, tem um estilo de jogo condizente com o que afirma Akashi, pois é um dos times mais agradáveis de se acompanhar nas quedas. Mesmo quando são eliminados, fica a sensação de que deram tudo de si para ficar de pé.

Vivo Keyd, sinônimo de terror

Sobre os times mais difíceis do circuito, tanto Akashi quanto Horus concordam que a Vivo Keyd é o time a ser batido, muito em função do seu conjunto e constância.

“Pela experiência e constância acredito que a VK possa ser o time que nos dê mais trabalho por estar muito bem preparado”, disse Akashi.


O Cruzeiro volta a saltar na próxima sexta-feira (12), na rodada que dará início a Semana 5 da C.O.P.A Free Fire. Fique ligado e acompanhe nos canais oficiais, afinal, os Celestes podem surpreender a qualquer momento, não é mesmo?

Categorias: C.O.P.A. Free Fire, Free Fire
Tags: , , ,

3 Comments

  1. Gabriel Henrique

    16 de junho de 2020 at 13:19

    Eu gostaria de participar do time do cruzeiro, sou torcedor desde pequeno do clube e gostaria de uma chance pra mostrar o que sei fazer no meu j4 core

    Reply
  2. Vinícius Garcia

    15 de junho de 2020 at 15:44

    Boa tarde meu nome é Vinícius Garcia, tenho um sonho de participar da LBFF, gosto muito do cruzeiro, estou pedindo uma oportunidade, muito obrigado!

    Reply
  3. SOS STAR

    15 de junho de 2020 at 13:57

    Opam
    Estági me nota kkkkkk
    Abraço do StaR
    Força cruzeiro não deve ser fácil encarar os leão br kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    #goloud

    Reply

Deixe um comentário!