paiN abre 70 pontos de vantagem na briga pelo título da C.O.P.A. Free Fire

paiN Gaming, RED Kalunga, GOD e INTZ foram as equipes que marcaram o BOOYAH! no primeiro dia da grande final, marcada principalmente pela força da paiN.

Começaram as finais da C.O.P.A. Free Fire e neste sábado, 18, quem performou melhor foi a paiN, que com direito a dobradinha e boa colocação em todas as seis quedas disputadas, fechou a noite com 190 pontos na briga pelo título do campeonato online. RED Kalunga, que também fez o BOOYAH! duas vezes, GOD e INTZ foram as outras equipes que triunfaram e seguem fortes na corrida pelo taça.

LOUD e Corinthians, apontadas como favoritas após a fase regular, performaram muito abaixo do esperado e não corresponderam com as expectativas, sendo assim os destaques negativos do primeiro dia.

Confira o resumo das quedas:

A primeira queda, em Bermuda, terminou com vitória da paiN Gaming, que marcou oito eliminações e somou +36 pontos na corrida pelo título. Posicionada na guarita, a equipe lidou com LOUD e Vivo Keyd na final. Entre as três, a LOUD caiu primeiro; o time tinha apenas ShariiN vivo, que pressionado por ambos adversários, não conseguiu sobreviver. No 4×2 contra a Vivo Keyd, Geerty aplicou um lança preciso e eliminou Kroonos e Braboox, garantindo assim o BOOYAH! para os Tradicionais.

Na segunda queda, em Purgatório, quem levou a melhor foi a GOD, que garantiu 11 eliminações e 42 pontos no total. INTZ, paiN Gaming e RED Kalunga também estiveram presentes no final de queda, mais uma vez bastante frenético. A primeira eliminada foi a INTZ, que trocou demoradamente com a paiN, eliminada logo na sequência. Ambos os times, desfalcados, estavam sendo pressionados por General e companhia, que muito bem posicionados, finalizaram a Matilha para garantir o BOOYAH!.

Na terceira queda, de volta a Bermuda, a RED Kalunga abusou de boas rotações e garantiu o BOOYAH!, somando 26 pontos com somente três eliminações na conta. A partida foi decidida na região de Peak e voltou a ter, além da Matilha, GOD e paiN na disputa pela sobrevivência. A primeira eliminada foi a paiN, que com somente dois jogadores vivos, sucumbiu nas mãos da GOD. Na trocação final, a RED conseguiu a revanche pela última partida e eliminou os Deuses no 4×3. 

Ainda que tenha terminado em 2º lugar, a GOD foi o time que mais pontuou na queda (35 pontos) por causa da quantidade de abates. A paiN também foi deixada para trás e a terceira colocação foi assumida pela Black Dragons, que fez 21 pontos, contra 19 dos Tradicionais.

Na quarta queda, em Purgatório, a paiN Gaming gritou o seu segundo BOOYAH! nas finais. A vitória, com cinco eliminações na conta, rendeu mais 30 pontos na tabela. A sobrevivência, disputada nas redondezas de Brasília, colocou paiN e Fear cara a cara, mas em posicionamentos diferentes. Com três jogadores, a equipe de Field estava na parte elevada do mapa, enquanto os Tradicionais, com o squad completo, encontrava-se na parte mais baixa.

Ainda que Field e companhia tenham começado bem a trocação, derrubando dois jogadores do time adversário, a paiN conseguiu abusar bem da vantagem de ter um jogador a mais. D3 foi decisivo na hora de segurar a pressão e no final, com todo o time de pé, a equipe tradicional conseguiu superar o medo e garantiu a vitória.

No último Bermuda da noite, a RED Kalunga seguiu os mesmos passos da paiN e marcou dobradinha, fazendo o BOOYAH! com 36 pontos e oito eliminações. A queda, que terminou entre Pochinok e Factory, teve ainda Corinthians e GOD na briga pela sobrevivência. Depois de sofrer muito nas quedas anteriores, o elenco liderado por Fixa respirou na terceira colocação da quinta queda. Fortes na briga pelo troféu, RED e GOD disputaram a vitória pela terceira vez nas finais. Em uma situação mais favorável, com mais jogadores de pé, a Matilha mais uma vez levou a melhor, triunfando sem muitas dificuldades no 3×2.

A paiN, que caiu mais cedo, somou 28 pontos e assumiu a segunda colocação na classificação final da queda, enquanto a GOD ficou em 5º lugar com 19 pontos.

A sexta e última queda, em Purgatório, terminou com vitória da INTZ, que fechou o primeiro dia das finais garantindo 40 pontos. Ao todo, os Intrépidos somaram dez eliminações. A partida foi definida próxima a Brasília, com Fear e paiN no encalço dos Intrépidos, que dominaram nas trocações. Depois de fazer a limpa na equipe de Autobot, Moreira e companhia partiram para cima da paiN Gaming e deitaram os líderes para confirmar o último BOOYAH! da noite.

Classificação final – Finais (Dia 1)

A decisão da C.O.P.A. Free Fire acontece neste domingo, 19, com as equipes protagonizando as últimas seis quedas do torneio a partir das 18h. Acompanhe a transmissão ao vivo no canal do YouTube e na BOOYAH!. Fique ligado nas redes sociais oficias da Garena no TwitterFacebook e Instagram.

Categorias: C.O.P.A. Free Fire, Free Fire
Tags: , , , , ,

Deixe um comentário!