Tami destaca frieza da SS como arma para o próximo Split da LBFF

A SS não apresentou um bom desempenho na C.O.P.A. Free Fire, mas o elenco se sente melhor e mais bem preparado para fazer diferente na LBFF.

A SS E-Sports não apresentou um bom desempenho na C.O.P.A. Free Fire, mas o elenco se sente melhor e mais bem preparado para fazer diferente na Liga Brasileira de Free Fire (LBFF). Tami, capitã do time na campanha que o levou a elite, conversou com o Free Fire eSports e admitiu tristeza por parte dos jogadores com os resultados obtidos no campeonato online. Ainda assim, ela acredita que o elenco conseguiu lidar bem com isso e que a evolução apresentada pelo time desde então fez com que o clima de tranquilidade tomasse conta da equipe.

No começo ficamos desanimados com os resultados, mas a evolução e frieza que o time vem apresentando no momento nos deixou mais confiantes e tranquilos. As expectativas são boas para o futuro”, disse a jogadora.

Tami, capitã da SS E-Sports (Foto: Reprodução)

Na C.O.P.A. Free Fire, era esperado uma SS agressiva, parecida com a que impressionou na Série C. No entanto, o entregue foi um jogo mais lento, e sem tomadas de decisões. 

Fomos um time menos agressivo e cheio de indecisões, mas isso com certeza não deve se repetir na LBFF”, declarou Tami. 

Na LBFF, a SS não contará com todo o elenco que subiu da Série C. Laura, um dos principais nomes da equipe dentro de jogo, deixou o plantel. Reconhecendo o espaço deixado pela ex-companheira de equipe, Tami também vê a sua saída como uma oportunidade para a SS explorar novas maneiras de jogar.

Com certeza a Laura faz uma falta muito grande, mas precisamos nos adaptar e trabalhar em cima de novos estilos de jogo”, comentou.

Formação da SS que disputou a C.O.P.A. Free Fire (Foto: Reprodução/SS)

Ao falar sobre a importância de ter jogado um campeonato organizado pela Garena antes de disputar o circuito principal, a jogadora admitiu o valor da experiência adquirida, mas nega que não existirá pressão ao estrear na LBFF.

A primeiro momento, foi uma boa oportunidade para conhecer os adversários e adquirir experiência, mas a pressão (da estreia) é algo que sempre se fará presente”, completou.

Leia também:

Categorias: Free Fire, LBFF, Série A
Tags: , , , , ,

Deixe um comentário!