#LBFF – 3ª etapa: Boletim da Semana 1 da Série A

A Liga Brasileira de Free Fire (LBFF) estreou com tudo no último final de semana. Confira o resumo das quedas, destaques, calendário e tabela da Série A.

A Liga Brasileira de Free Fire (LBFF) estreou com tudo no último final de semana. Recém-chegada na Série A, a SS Esports fez bonito nos dois dias e cravou o BOOYAH! 3 vezes na competição, uma no sábado, e duas no domingo, onde dominou os dois jogos em Purgatório. Na cola da equipes de Antunes, está a Black Dragons, que com um BOOYAH! em cada um dos dias, sustentou a boa e agressiva campanha das finais da C.O.P.A. Free Fire e assegurou a segunda colocação.

Fechando o Top 3, também na casa dos 200 pontos, está a FURIA, que sob o comando de MEMGOD, um dos melhores individualmente no final de semana, conseguiu fazer boas quedas em ambos os dias. Mais embaixo na tabela aparece Santos e GOD, outros dois times que também se mostraram fortes adversárias na briga pelo título; assim como no Gigantes Free Fire, General e sua trupe seguem brigando por posicionamento, enquanto o Santos se mostrou uma equipe mais agressiva.

Estreante, a Los Grandes fechou a semana no 6º lugar e confirmou a presença de todos os times do Grupo A nas primeiras colocações. Enquanto isso, o equilíbrio entre as equipes dos Grupos B e C se fez presente; no 7º lugar, terminou a paiN Gaming, que segue o mesmo estilo dos campeonatos recentes. Renovado, o Cruzeiro ganhou força com a entrada da dupla “Cebotiva” e aparece em 8º, seguido da Team Liquid, que mesmo fazendo dois BOOYAH! em Purgatório na rodada de estreia, teve seus momentos mais baixos.

Sobre o domínio em Purgatório, nos dois dias vencido por uma única equipe, e as substituições feitas pelos times para jogar o mapa, Solotov comentou: “Purgatório é um mapa um pouco meio aberto, então os jogadores que são bons em longa distância saem na vantagem. Só que ultimamente, depois da atualização mais recente, a safe veio fechando muito em Brasília/Fields, que são lugares onde as partidas serão definidas em rush, então, eu acho que todos os times estão (fazendo substituições) colocando os melhores de rush quando é a vez desse mapa”.

RED Kalunga e LOUD, atuais campeões do Gigantes Free Fire e da Copa América, respectivamente, aparecem na sequência. Wanheda comentou após os saltos que a semana era de estudo para a Matilha, e o mesmo ficou evidente no caso da LOUD, que fez várias substituições, mantendo apenas Vinizx e Noda na titularidade.

Fear, Corinthians e INTZ tiveram seus bons momentos, porém a instabilidade prevaleceu e nenhum dos times chegou na casa dos 100 pontos. Flamengo B4, Vivo Keyd, KaBuM! e New X Gaming foram as piores do final de semana.

Sobre a Vivo Keyd, cho que está faltando eles se posicionarem melhor e conseguirem algumas kills, (…) mas tem aquela coisa né, mudou toda a line, só ficou o Vazily (e o K9), então ainda estão se adaptando, é o primeiro campeonato oficial deles. A Vivo Keyd é um dos times mais regulares, o K9 é muito “brabo” e acho que eles vão subir muito ainda, podem esperar que ao longo do campeonato eles vão se estabilizar do meio para cima de tabela, onde sempre ficam”, analisou Solotov.

A estreia de Kalahari

Kalahari agora faz parte da rotação de mapas da LBFF. SS, Cruzeiro, BD e RED foram as equipes que gritaram BOOYAH! no espaço no último final de semana. Sobre a combinação de personagens ideal para o salto em Kalahari, Solotov opinou: “Combinação perfeita não existe, depende muito da equipe, de onde o time cai, do estilo dos jogadores, etc., mas um personagem que é muito utilizado em Kalahari é o Wukong. Kalahari é um mapa muito aberto, meio que você passa despercebido enquanto se movimenta por lá, e o Wukong ele pode ajudar muito a equipe; passa primeiro, dá o cover para o time ir e isso pode mudar a partida. Eu destaco ele, mas não tenho uma combinação de personagens específica”.

Ainda sobre as primeiras aparições do mapa, o ex-FURIA comentou: “Kalahari é um mapa muito aberto, então eu prefiro não cair no canto do mapa. Uma call boa seria Refinaria, você cai e não tem tanto loot, mas consegue se posicionar bem e a equipe que domina Refinaria primeiro tá conseguindo ficar entre Top 5/6 e administrando bem com algumas kills. Então, pra mim, Refinaria é um ótimo lugar para se cair e se posicionar, tem até como se esconder bem e pegar um time rotacionado, “tá ligado?” Porque ela é no meio e tem muito espaço aberto ao redor, então pega muito time rotacionando ao redor dela”.

Veja como ficou a tabela no final da Semana 1:

As equipes que fizeram o BOOYAH! – Rodadas 1 e 2

Rodada 1 – Sábado (22) Clique aqui e veja o resumo das quedas

Purgatório – Team Liquid
Kalahari – SS Esports
Bermuda – FURIA Esports
Purgatório – Team Liquid
Kalahari – Black Dragons
Bermuda – paiN Gaming

Rodada 2 – Domingo (23)Clique aqui e veja o resumo das quedas

Purgatório – SS Esports
Kalahari – Cruzeiro eSports
Bermuda – Black Dragons
Purgatório – SS Esports
Kalahari – RED Canids Kalunga
Bermuda – Vivo Keyd

Calendário – Semana 2

Rodada 3 (B x C) – Sábado (29/08)
Rodada 4 (B x A) – Domingo (30/08)

Como assistir a LBFF ao vivo

Acompanhe a Liga Brasileira de Free Fire ao vivo todos os sábados e domingos a partir das 13h nos canais oficiais do Free Fire no YouTube e na BOOYAH!, plataforma de streaming oficial da Garena, assim como no SporTV.

Categorias: Free Fire, LBFF, Série A
Tags: , , ,

Deixe um comentário!