Cauan reconhece erros, mas reforça que SS busca regularidade na LBFF

Cauan, um dos reforços e destaque da SS em eliminações, avaliou positivamente a estreia da equipe em entrevista ao Free Fire eSports. Leia mais....

A SS Esports começou com o pé direito na Série A da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF). Depois de uma estreia falha na elite, com a última colocação na C.O.P.A. Free Fire, a equipe oriunda da Série C tem feito um ótimo início de 3ª etapa e figura entre os melhores times do campeonato.

Cauan, um dos reforços e destaque da SS em eliminações, avaliou positivamente a estreia da equipe em entrevista ao Free Fire eSports. Mesmo reconhecendo que a postura agressiva adotada pelo time pode não render bons resultados, ele admite que todo o elenco está confortável e buscando fazer um trabalho cada vez melhor semana após semana:

Estamos bem focados em um estilo de jogo que adotamos para todas as quedas, procurando sempre confrontos iniciais para manter nossa rota mais tranquila e também conquistar melhores posicionamentos nos mapas. O nosso rendimento varia nisso e às vezes somos infelizes por não conseguir encaixar muito bem o rush no começo de jogo”, disse.

Depois de fechar a primeira semana de competição na liderança, a SS não conseguiu apresentar um rendimento semelhante nas rodadas vindouras. Além de jogar menos partidas, já que o Grupo B era o mandante da semana (a SS é parte do Grupo A, que mandou na semana de estreia), o time foi instável e não conseguiu emplacar números semelhantes mapa após mapa. 

O jogador negou que o psicológico seja algo determinante queda à queda, mas afirma que, de fato, o time não consegue manter o bom rendimento, mas por causa do fator emoção:

Estamos bem tranquilos quanto ao psicológico, cometemos erros bobos que acabam sendo muito prejudiciais à posição que conquistamos. Quando damos o BOOYAH! em algumas partidas, acabamos nos exaltando um pouco nas próximas e fazendo coisas inesperadas, contando mais com a sorte e com a habilidade individual de cada um, por isso dá certo em algumas situações e errado em outras”, levantou.

Temos um bom domínio nos mapas Purgatório e Kalahari, mas em Bermuda estamos sendo um pouco azarados e falta mais um pouquinho de atenção da nossa parte. Fora isso, mantemos o mesmo ritmo de sempre”, completou.

No próximo sábado, a SS entra em campo contra as equipes do Grupo C, mandante da semana. Cauan considera o Grupo B mais perigoso pelo fato dos times jogarem mais agressivos estrategicamente, mas reforçou que “todos os grupos têm suas dificuldades e no geral todas as equipes são boas”. 

“Independente do adversário, a SS foi reformulada para jogar contra tudo e todos”, continuou Cauan que, ciente dos erros cometidos pelo time nas últimas semanas, reforçou mais uma vez o trabalho da SS:

Trabalhamos muito em cima dos nossos erros nesses dias após os jogos. A intenção agora é se manter como um time mais regular até a grande final!”, exaltou.

Leia também: Martins comenta bom início de LBFF da Liquid e ausência do Peu

Categorias: Free Fire, LBFF, Série A
Tags: , , , , ,

Deixe um comentário!