FFCS: Cebolinha retorna de suspensão e ajuda Cruzeiro a chegar na Final

Cebolinha ficou de fora das finais da LBFF mas usou suspensão para evolução pessoal e profissional em prol do sucesso do Cabuloso.

O Cruzeiro liderou a briga no Play-In da Free Fire Continental Series (FFCS) e as expectativas para a Final são as melhores. Na primeira etapa da competição, a Raposa contou com o retorno de um dos principais destaques da equipe: Cebolinha, que voltou de um banimento aplicado pela Garena na reta final da Liga Brasileira (LBFF).

Ao Free Fire eSports, Cebolinha falou sobre como o período de suspensão o motivou, melhorou seu jogo e, consequentemente, a apresentação do Cabuloso.

Na época que fui suspenso, acho que eu estava na minha melhor fase em questão de jogabilidade e no campeonato em si. (Depois da suspensão) falei pra mim mesmo: quando eu voltar, vai ser duas vezes melhor. Larguei meu celular e comecei a treinar usando o modelo padrão do Continental, foram várias noites e madrugadas jogando 4×4, 1×1 e várias salas personalizadas, tudo focado em entregar o meu melhor para o time”.

Contente com o seu retorno, Cebolinha acredita que “consegui voltar duas vezes melhor como prometido e joguei muito no Play-In do Continental”. Na disputa, o Cruzeiro se apresentou de forma mais agressiva, estilo característico do time, mas que havia se perdido na reta final da LBFF.

A minha suspensão no final do campeonato acabou forçando o time a reformular a maneira de jogar, mudando jogadores de posição, essas coisas. Com a minha volta, conseguimos retomar a postura agressiva que mostramos durante todo o início da LBFF, é assim que a gente gosta de jogar”.

Satisfeito com o desempenho da equipe, Cebolinha não fez cena e admitiu que o Cruzeiro chegará para a Final da FFCS do mesmo jeito que chegou no Play-In. 

As expectativas sempre são as melhores e chegamos fortes, queremos ser campeões. A última semana foi de muito treino, estamos dando o nosso máximo e o plano de jogo vai ser o mesmo. Vamos agressivar sempre que for preciso e amassar todo mundo!”, exaltou.

Leia também:

Categorias: Free Fire
Tags: , , ,

Deixe um comentário!